Caminhada chama atenção para o Transtorno Espectro do Autismo (TEA)

A Prefeitura  Municipal de São Raimundo Nonato foi parceira da caminhada em alusão ao dia mundial da conscientização do autismo, dia 02 de abril, organizada pelo Espaço Pedagógico e Psicopedagógico.

O Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) reúne quatro desordens do desenvolvimento neurológico presentes desde o nascimento ou começo da infância: transtorno autista, transtorno desintegrativo da infância, transtorno generalizado do desenvolvimento não-especificado (PDD-NOS), e Síndrome de Asperger.

Segundo o Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais DSM-5 (referência mundial de critérios para diagnósticos), pessoas dentro do espectro podem apresentar deficiência intelectual, dificuldades de coordenação motora e de atenção. Embora todas as pessoas com TEA partilhem estas dificuldades, cada uma delas será afetada em intensidades diferentes, resultando em situações bem particulares.

Apesar de ser comumente chamado de autismo infantil, pelo diagnóstico ser comum em crianças e até bebês, os transtornos são condições permanentes que acompanham a pessoa por todas as etapas da vida.

Durante a caminhada participaram os profissionais do Espaço pedagógico e piscopedagógico, piscólogos, piscopedagogos, terapeuta ocupacional, colaboradores da Secretaria Municipal da Educação, Secretaria Municipal da Saude, Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social (Semtas), a secretária da Semtas, Altícia Ribeiro, secretária da Mulher, Yapuema Carvalho e professores das redes pública e privada de ensino.

“O objetivo do evento é, além de conscientizar as pessoas, chamar a atenção para da sociedade para os sintomas desse transtorno e os direitos do autista. Na Semtas nós atendemos essas crianças por meio do Programa Criança Feliz, do Governo Federal, e a nossa Terapeuta Ocupacional, Lena Macêdo, trabalha para melhor atendê-los e consequentemente para que eles possam desenvolver suas habilidades e melhor interagir na sociedade”.

“Sabendo a necessidade de difundir informações a cerca do Autismo a nível municipal, idealizamos e realizamos pelo 3° ano consecutivo esse projeto com a intenção de quebrar preconceitos, chamar atenção do poder público para promover melhorias aos atendimentos dessas pessoas com o transtorno. Organizamos uma programação de acolhimento e trocas de experiências entre familiares e professores que atuam diretamente com esse público. Os terapeutas do Espaço Pedagógico e Psicopedagógico (EPP) lidam diariamente com crianças, adolescentes e adultos autistas. Sabem de toda a necessidade dessa união entre família, terapeuta e escola. Estamos a disposição de toda a população sanraimundense para quaisquer esclarecimentos e dúvidas sobre o assunto.”, diz *Loana Negreiros*- Psicopedagoga, sócia/proprietária do Espaço Pedagógico e Psicopedagógico.

“A Rede municipal de ensino de São Raimundo Nonato vem dando todo o suporte para crianças autistas. Possuímos equipe multidisciplinar, com piscólogo, piscopedagogo, dentre outros profissionais para melhor atender a essas crianças e muitos pais têm agradecido esse trabalho desenvolvido nas escolas municipais de São Raimundo Nonato”, Secretária Municipal da Educação, Silmara Oliveira.

“Para trabalhar com essas crianças é preciso sabedoria, competência e muito amor”, Professora Carmen Alves.

“Agradeço a Tia Carmen por toda a dedicação e carinho para com meu filho”, Simone Guerra (mãe de aluno da Rede Pública de Ensino).

 

WhatsApp chat